Loading...

FORMAÇÃO DO ESPAÇO NACIONAL

Este estudo percorre a dolorosa diáspora dos escravos após a lei que lhes deu libertação, sem que fossem incluídos no projeto organizacional de uma nova sociedade em formação. Seguindo alguns textos de Gilberto Freyre, em especial Sobrados e Mucambos, e com auxílio de outros estudiosos da ocupação do território brasileiro, o artigo pretende dar um pequeno panorama da urbanização sob essa contingência apontada pelo sociólogo que levou o país a um número quase abissal de favelas e outros amontoamentos humanos como fonte dos desequilíbrios, violências e injustiças sociais ainda presentes na atualidade. Esse percurso tentará mapear, de forma crítica ainda que poética, ecoando com Freyre, a estruturação ideológica que permeou esse processo em um contínuo premeditado sempre disfarçado de ‘políticas públicas’.

Formação do Espaço Nacional

2

Você poderá gostar de

Sem Comentários

Responder